Primeira parte de “Yellow Sulphur Sky” rodada em Esposende

Termina neste Sábado a primeira parte das filmagens de “Yellow Surphur Sky”. A obra mais recente do cineasta finlandês Claes Olsson teve a praia da Apúlia, em Esposende, como palco. De acordo com declarações do realizador ao E24, a escolha do local deveu-se “ao cenário natural, enquadrado na tipicidade da pesca artesanal“. A equipa de filmagem esteve “num perímetro isolado pelas autoridades, para assegurar a normalidade do trabalho do staff“. A rodagem do filme será continuada no Porto.

@D.R. / Diário do Minho

“Yellow Surphur Sky” é inspirado na sétima novela do escritor finlandês Kjell Westö. A obra fala sobre as memórias da relação entre o narrador e a rica família Rabbell, pertencente à elite de Helsínquia. Duas semanas após o esfaqueamento do seu amigo Alex Rabbell, o narrador relembra a sua vida com o clã sueco-finlandês, numa história marcada pelas desigualdades sociais, pelos laços familiares e pela memória.

A estreia de “Yellow Sulphur Sky” está prevista para 2021.

Originalmente publicado a 30 de Agosto de 2020 na Vila Nova Online

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: